home Artigos, SPTIC HTTPS – A nova ordem dos sites com certificado SSL

HTTPS – A nova ordem dos sites com certificado SSL

Se seu site está em HTTP provavelmente você receberá (se já não recebeu) uma mensagem do Search Console do Google que começa assim:

A partir de outubro de 2017, o Chrome (versão 62) exibirá um aviso de ‘NÃO SEGURO’ quando usuários inserirem textos em um formulário de uma página HTTP ou acessarem qualquer página HTTP no modo sem rastros…”.

Com isso, chegamos definitivamente a era dos sites seguros, pois aqueles que não aderirem à “Nova Ordem” estarão sujeitos a cair nas pesquisas orgânicas do Google. Usar HTTPS já está sendo considerado como métrica para reputação dos sites pela gigante das buscas virtuais.

É evidente que operar qualquer transação de dados em nosso site, realizada entre usuário e servidor de forma criptografada (portanto segura, e não aberta como HTTP), é muito interessante por vários motivos. Porém, dependendo da natureza destas operações, não havia muito interesse por parte do proprietário do site em dispor de tal segurança.

Nos últims anos houve uma grande evolução na comercialização do certificado SSL (Secure Sockets Layer). Até os anos 2000, ter um endereço HTTPS próprio era um investimento alto para a maioria das empresas. Por isso, muitas recorriam aos servidores de hospedagem que dispunham de compartilhamento através de subdomínios em HTTPS.

A popularização do HTTPS

Com popularização do recurso nesta década – e com o “incentivo” que o Google está apresentando para o mercado – adquirir um certificado SSL e ter seu site em protocolo HTTPS, mesmo que não seja uma loja virtual, por exemplo, está se tornando também uma estratégia de SEO que, mais do que nunca, deve ser considerada.

Em nosso blog, estamos disponibilizando mais informações sobre como o Google está tratando esta questão e como deve ser feita a migração para HTTPS. Acesse este endereço e saiba mais: www.vegaweb.com.br/blog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *